sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Uma nova data em minha vida

Datas são coisas muito significativas, estes dias especiais que gravamos em nossa memória muito bem guardados. Celebramos estes dias especiais porque ele nos trazem de volta momentos inesquecíveis. Existem também outras datas que da mesma forma foram significativas, mas que nos lembram perdas, especialmente as familiares. Eu particularmente não costumo valorizar a data em si, mas o ocorrido, pois isso é o que de fato celebramos ou guardamos com respeito.

Todos gostam de lembrar um aniversário, celebrar uma formatura, o casamento, namoro e até já está se celebrando o mêsversário na juventude quando se trata de namoros!! Talvez porque eles queiram celebrar algo e esses sim tem durado tão pouco em nosso contexto!

Eu não posso deixar de me lembrar da data de meu casamento que se deu em outra data memorável que foi o aniversário da reforma protestante do século XVI. Tenho certeza que minha esposa não gostaria de inverter as ordens nesse caso pois a nosso casamento foi de fato uma grande reforma de nossas vidas.

Hoje são 25 de Fevereirode 2011 o dia em que a médica entrou no meu quarto 01 do hospital charles miller para dizer que minha médula óssea tinha sido ativada, ela pegou Sr. Miguel, aqui o senhor "nasce de novo”.

Assim, o registro de tudo que se refere a minha vida "clínica" vamos por assim dizer, não existe mais. Aqui recomeçamos a lhe imunizar de todas as vacinas desde a sua 1a infância até a mais recente feita por conta de uma viagem a um país africano em 2008.

Então, sai pensando aqui com meus botões, aqui se foi aquela sacrifício para me imunizar da varíola, da tuberculose com àquele teste chato e de meu sacrifício em correr pelo pátio da Escola Experimental Governador Barbosa Lima quando chegaram aqueles homens equipados com a imensa pistola que nos vacinaria de algo que nem me lembro mais, porém me lembro da interminável fila que fiquei ainda criança exposto ao sol quente de Pernambuco no Aeroporto dos Guararapes quando diziam estar nos vacinando contra meningite bacteriana, devido ao surto que vivemos em nossa região.
Mas ficou também para traz aquele dia nefasto, quando um cachorro rabugento coitado cheirou minha mão, que chêro equivocado aquele, pois meu pai bem em frente de mim assistiu a tal cena e esse "namoro" teve conseqüências, foram, se não me falha a memória 8 visitas ao médico no antigo Pronto Socorro de Recife, onde ali recebi aquelas dolorosas injeções de óleo. Nem me pergunte de que tipo, pois só me recordo da dor causada pelas mesmas.

Tudo isso para dizer que o tratamento que me submeto aqui em São Paulo ao uma enfermidade chamada de Mieloma Multiplo, está na sua fase final e em cada passo temos visto a mão de Deus agindo poderosamente e as orações de Seu Povo sendo a base apoiadora de tudo. Deus sabe o quanto sou grato a cada pessoa que tem intercedido por mim. Estas orações tem subido ao Seu maravilhoso trono, desde as mais tradicional igreja, passando por círculos de orações da igreja de Roma, pelas assembléias de Deus,pelas igrejas batistas, congregacionais, presbiterianas, episcopais.metodistas, anglicanas, pentecostais, adventistas... Desde as catedrais, às igrejas medianas, desde as comunidades mais abastadas, às mais simples, desde os bispos e arcebispos até aquele mais simples evangelista, pastor de uma pequena vila do interior da Paraíba... Desde pessoas que literalmente me viram nascer, aos que me viram nascer de novo em Cristo, desde aqueles que me conhecem muito bem àqueles que nunca me viram, ou sequer estiveram comigo pessoalmente...
Isso porque são estas as pessoas que formam essa colcha de retalhos chamada de A Igreja de Jesus Cristo

De nós a gratidão a todos vocês, a Ele toda a Glória

São Paulo, 25 de Fevereiro de 2011



Miguel Uchoa









.

6 comentários:

Nayara disse...

♥ hehehe, glória a Deus, aleluia!!!!!!!!!!!!! Eu cri na sua cura!!!!!!!! Nós cremos na sua cura!!!!!!!!!! Reverendo que alegria!!!!!!!!!
Meus meninos estão no Plano B, assim que chegarem vou contar para eles, e para o meu esposo. Também vou contar para as irmãs da oração da manhã (da IPC).
Deus foi, é e sempre será contigo!!!!!!!!
Um abração pastor.

Nayara disse...

esqueci: não vou nunca esquecer o dia da sua cura, pois hoje é o meu aniversário de casamento

Mônica Modesto disse...

Lindo, muito lindo mesmo esse momento que estamos vivendo de renovação! Jesus é perfeito em tudo!!!!

Andréa Januário disse...

Miguel, você é uma prova viva de quanto o nosso senhor JESUS e vivo dentro de cada um de nós que nele crer.Parabéns por ter nascido de novo . GLÓRIA !GLÓRIA a DEUS.
Abraços. Andréa Januário

Julia disse...

Tio, lendo esse seu último post me lembrei bastante de uma música que ouvia sempre na igreja do Espinheiro. E que com certeza sintetiza esse momento de sua vida.

"Cada vez que a minha fé é provada,
Tu me dás a chance de crescer um pouco mais.
As montanhas e vales, desertos e mares que atravesso me levam pra perto de Ti.

Minhas provações não são maiores que o meu Deus e não vão me impedir de caminhar.
E se diante de mim, não se abrir o mar, Deus vai me fazer andar por sobre as águas.

Rompendo em fé,
Minha vida se revestirá do Teu poder
Rompendo em fé,
Com ousadia vou mover o sobrenatural
Vou lutar e vencer, vou plantar e colher,
E a cada dia vou viver rompendo em fé."

Te desejo melhoras e muita força!
Um beijo grande.

Julia.

Ricardo Monteiro disse...

No início do ano passado, um amigo muito querido perdeu um filho de 13anos de "mal súbito", uma doença que pára o coração sem motivo aparente. Tamanha foi a tragédia que eu não sabia o que dizer àquele pai (que só não morreu junto com o filho por ser um homem de fé).
Então lembrei das palavras sempre ditas com propriedade e segurança por um Pastor no Cursilho do qual participei há alguns anos. Ninguém (além de Cristo) melhor que ele pra confortar meu amigo.
Procurei, através de um outro amigo, membro da Igreja Anglicana, pelo Pastor Miguel, e esse amigo se limitou a dizer que o pastor estava viajando. Fiquei triste. O tempo passou e hoje tomei conhecimento do drama pessoal que o admirado pastor estava passando naquele momento. Sei bem o que é isto pois perdi minha mãe, há poucos anos, vítima de uma leucemia.
Estarei sempre orando por sua recuperação que, hoje, é uma certeza, graças a Deus.
Espero que algum dia ele possa estar frente a frente com o meu amigo pois sua palavra transmite confiança e as experiências que tem vivido é mais uma prova da Graça de Deus.